José Eduardo dos Santos abandona reunião do Conselho da República

A publicidade da deputada angolana Welwitschea ‘Tchizé’ do Santos, filha do ex-Presidente, segundo as quais o seu pai José Eduardo dos Santos agiu como um líder “humilde e sério”, ao participar, na recente reunião do Conselho da República, foram completamente contrariadas pela conduta que José Eduardo dos Santos teve em abandonar sala do palácio presidencial uma hora depois de ter chegado.

Segundo apurou a nossa fonte, o Presidente do MPLA e conselheiro da República, não assistiu o debate sobre as autarquias que foi o principal ponto da agenda daquela reunião. O antigo Chefe de Estado chegou a sala, ouviu o discurso do Presidente da República João Lourenço e ao mesmo tempo esteve a conversar com o seu colega do lado, o Bornito de Sousa, enquanto João Lourenço discursava.

Eduardo dos Santos saíu da sala uma hora depois de começar a reunião, assim que o Ministro das Finanças Augusto Archer Mangueira apresentou a informação sobre o OGE, que era o primeiro ponto da Agenda. Depois disso não voltou mais a sala de reunião.

O Presidente do MPLA que recentemente num discurso partidário propôs-se em preparar o seu partido para as eleições autárquicas, não participou no segundo ponto da agenda de trabalho, em que o Conselho da República tomou conhecimento do memorado de implementação das autarquias locais do executivo nem as suas respectivas recomendações.

Uma fonte consultada, interpreta que a presença de José Eduardo dos Santos na abertura da reunião foi apenas para deixar-se fotografar para efeito de marketing e anular as suspeitas de que iria se  fazer  ausente como aconteceu na  cerimonia de tomada de posse para membro deste órgão de consulta do PR.

Por ter abandonado a reunião logo na primeira hora do seu inicio, a fonte consultada entende que “este comportamento altivo nada tem a ver com a humilde que a sua filha Tchizé apregoa. É altivez, o contrário da humildade.”

Quanto ao comportamento de abandonar a reunião a do Conselho da República, uma fonte próxima a Presidência do MPLA, justificou que deve se ao cansaço que ultimamente denotado em José Eduardo dos Santos. A fonte exemplificou que a evidencia do cansaço e fatiga de José Eduardo dos Santos fruto da idade, verificou-se recentemente quando foi a casa de Dias dos Santos “Nandó”, para prestar condolências pela morte da mãe daquele, Catarina Inácio da Piedade dos Santos. JES não conseguia ficar muito tempo de pé e estava sempre a cabecear.

Loading...

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.