Jovem incendiado com gasolina por ex-namorada no Brasil

As autoridades brasileiras estão a investigar o caso de um jovem de 20 anos de idade, Daniel Jean Rocha, que foi incendiado, na quarta-feira da semana passada, na zona norte do Rio de Janeiro.

De acordo com o G1, os familiares dizem que a autora do crime é a ex-namorada, que também tem 20 anos de idade, por não aceitar o fim do relacionamento.

A publicação indica, citando familiares, que o jovem estava a fazer arranjos na sua mota, em frente ao prédio onde mora, no passado dia 15 de janeiro. Por volta das 11h (hora local), a ex-namorada apareceu com uma garrafa de gasolina e pegou-lhe fogo.

“A rua estava cheia, todo o mundo viu. Ele atirou-se para o chão para apagar o fogo, tiraram-lhe os calções, um amigo chegou com um cobertor e enrolou-o. Levaram-no num táxi para o hospital”, disse um tio.

Daniel continua internado no Centro de Tratamento de Queimados, no Hospital Souza Aguiar, e tem 55% do corpo com queimaduras, sendo que foi atingido principalmente no peito, no pescoço e nos braços. A situação é estável.

O jovem manteve um relacionamento com a suspeita durante quatro anos, mas, de acordo com os familiares, era uma relação conturbada, razão pela qual Daniel decidiu terminar. “Ela não aceitava, parecia que estava obcecada, obstinada. Eu pedia para ela deixar meu sobrinho em paz”, afirmou a tia de Daniel, Andrea dos Santos Rocha.

Questionada pelo G1, a Polícia Civil não adiantou detalhes sobre a investigação, que continua a decorrer.

Fonte: NM/BA

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.